Notícias - intersul

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Publicada em: 29/08/2019 12:08 - por: comunicacao - Visualizações: 59

DELIBERAÇÕES SOCIETÁRIAS ACERCA DA INCORPORAÇÃO DA ELETROSUL SÃO SUSPENSAS PELA JUSTIÇA FEDERAL


DELIBERAÇÕES SOCIETÁRIAS ACERCA DA INCORPORAÇÃO DA ELETROSUL SÃO SUSPENSAS PELA JUSTIÇA FEDERAL

Neste momento em que as universidades, os direitos sociais, os servidores públicos e demais trabalhadores das empresas estatais como Correios, Petrobras, Eletrobras, entre tantas outras, estão sob os ataques do atual governo, uma medida judicial, ainda que em caráter provisório, traz algum alento aos que lutam contra a política de desmonte das empresas e entrega do patrimônio público.

O pedido de Tutela Cautelar em caráter antecedente e urgente, formulado pelas entidades que compõem a Intersul foi concedido pela Justiça da 2ª Vara Federal de Florianópolis. Em despacho do dia 28 de agosto de 2019, o Juiz determinou a suspensão das deliberações societárias acerca da incorporação da Eletrosul pela CGTEE, por um prazo de 60 dias contados do efetivo fornecimento dos documentos objeto do Mandado de Segurança anteriormente concedido aos sindicatos da Intersul, e ainda não cumprido pela Eletrobras e Eletrosul.

Além de frustrar a pretensão de concluir o processo de incorporação às avessas na Assembleia Geral de Acionistas da Eletrosul marcada para 30 de agosto, a Tutela Cautelar também caracteriza o início de uma investigação de todo o processo no âmbito da Justiça Federal e coloca sob suspeita aqueles que tentam a qualquer custo levar adiante este projeto descabido.

Ainda que haja possibilidade de mudança nesta decisão inicial, esta vitória dos trabalhadores deve ser comemorada, cabendo destacar o importante papel desempenhado pelas entidades representativas dos trabalhadores, tanto as entidades integrantes da Intersul, que fazem parte do polo ativo da ação judicial, como as demais entidades de representação como a APROSUL e a AAPE, que tem contribuído financeiramente e politicamente com as lutas promovidas pelos sindicatos, não restringindo sua atuação a emitir comunicados à categoria.

Importante registrar ainda que toda a luta só é possível, também graças ao apoio financeiro fundamental obtido pelas contribuições extraordinárias para as campanhas da Intersul e pelo número crescente de filiações sindicais entre os trabalhadores e trabalhadoras da Eletrosul.

Decorrente da decisão judicial, os sindicatos da Intersul já enviaram correspondência ao Presidente da Eletrosul, solicitando que a empresa refaça o comunicado que precipitadamente informou aos empregados sobre o encerramento do plano de saúde autogerido.

Por fim, convocamos trabalhadores e trabalhadoras para um ato de protesto contra a incorporação da Eletrosul, na sede da empresa, dia 30 de agosto, a partir das 7h:30min.

Boa luta e sempre acreditem na força dos trabalhadores organizados!



Intersul - Intersindical dos Eletricitários do Sul do Brasil
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal