Notícias - intersul

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Publicada em: 03/08/2022 00:08
Baixar Arquivo:        Visualizar Arquivo:


boletim_intersul_042-22_de_03_08_Não_precisamos_de_sindicato_pelego

 

Pode ser que nos dias de hoje, muitos trabalhadores(as) não saibam o que significa o termo “pelego”, mas o “peleguismo” surgiu na época do “Estado Novo” quando foram criadas as leis trabalhistas e a organização sindical por Getúlio Vargas. Acontece que, paralelamente a isso, também foram inseridos nos movimentos sindicais lideranças que tinham como objetivo trabalhar para o governo ditatorial.

 

Para o bom entendimento, o sindicalista pelego, é aquele que finge estar representando os trabalhadores(as), mas na verdade, busca manipular as massas com intuito de atender aos interesses dos patrões, ou seja, ele “amacia” o/a trabalhador(a) para facilitar a vida do patrão.

 

A Intersul tem como premissa a defesa dos trabalhadores(as), e isso NUNCA vai mudar, não importa em que cenário político o país esteja, nossos ideais são imutáveis, não vamos dançar conforme a música que toca.

 

A defesa de um Brasil soberano e com suas estatais à serviço da maioria do povo é fundamental para o desenvolvimento do Brasil, isso não é, de forma alguma “saudosismo”.

 

Lutar para que a ELETROBRAS, que desde sua criação em 1962, coordenou o desenvolvimento energético do país, siga como empresa pública, levando o desenvolvimento à todas as regiões do país, é sem dúvida, obrigação de todos os brasileiros, de todos os trabalhadores(as) do sistema e principalmente, deveria ser de todos os sindicatos que representam esses trabalhadores.

 

A nossa luta vai continuar, sempre em defesa dos direitos conquistados à duras penas, esse é princípio fundamental do sindicalismo sério e voltado aos trabalhadores(as), que são os principais agentes do crescimento do país.

 

A Intersul não será NUNCA, aquela que vai tentar “conformar” os trabalhadores(as) com as mudanças que venham para piorar as condições de vida e trabalho, não vamos “amaciar” os trabalhadores(as) para o patrão, esse é o papel dos “PELEGOS”.

 

“O opressor não seria tão forte se não tivesse cúmplices entre os próprios oprimidos...”

 




Intersul - Intersindical dos Eletricitários do Sul do Brasil
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal